Filtrar
Gestão de Pessoas

Regras da hora do almoço

26/05/22 14:54

Conheça as normas trabalhistas determinadas pela CLT para o intervalo de almoço dos funcionários

 

Regras trabalhistas para o almoço

 

O intervalo para o almoço é uma hora importante para trabalhadores durante o expediente. Afinal, é um momento de descanso na jornada de trabalho, voltado para a alimentação, essencial para manter a saúde e o bem-estar de cada funcionário. Com a reforma trabalhista em 2017, algumas mudanças foram feitas e ainda deixam dúvidas em empregadores e colaboradores. A seguir, vamos esclarecer os principais pontos e regras.

Jornada x intervalo

Em primeiro lugar, o que diferencia o horário de almoço entre os funcionários é a jornada de trabalho. O período mínimo de intervalo para refeição pode variar de 15 minutos, para quem trabalha menos de 6 horas por dia; até 2 horas, no caso de quem faz jornada de 8 horas. Já quem trabalha até 4 horas diárias não tem direito ao horário de almoço estabelecido por lei.

Horas trabalhadas

Vale reforçar que o intervalo para o almoço não conta como horas trabalhadas. Ou seja, se o empregado possui jornada de 8 horas e tem 2 horas de almoço, na prática ele ficará por 10 horas na empresa, considerando o intervalo.

Reforma trabalhista

A reforma trabalhista de 2017 fez algumas alterações nas regras para o horário de almoço. Uma das principais foi a possibilidade de reduzir o intervalo de uma hora para 30 minutos em jornadas de mais de 6 horas de trabalho. A mudança precisa estar de acordo com a convenção coletiva da categoria e os 30 minutos de redução deverão ser pagos como hora extra ou descontados no final do expediente - ou seja, o funcionário poderá sair meia hora mais cedo.

As mesmas regras devem ser aplicadas aos trabalhadores em home office, temporários, efetivos, estagiários e aprendizes. O controle do horário de intervalo pode ser feito por meio do ponto manual ou eletrônico, que deve ser marcado na saída e na volta do almoço.

Como oferecer a melhor experiência na hora do almoço aos funcionários?

Para que a empresa possa garantir a melhor experiência aos colaboradores, a Sodexo possui o cartão Refeição Pass, aceito em restaurantes, padarias e lanchonetes em toda a rede credenciada, garantindo refeições variadas e de valor nutricional adequado aos trabalhadores. O cartão de vale-refeição da Sodexo é prático e seguro. Além disso, os funcionários podem controlar o saldo pelo app e usufruir de promoções e vantagens exclusivas do Sodexo Club.

Leia mais:

Vale-refeição: conheça tudo sobre o cartão Sodexo