Filtrar
Gestão de Pessoas

VA ou VR? Perguntas frequentes sobre esses benefícios

31/08/21 18:20

Entenda as principais diferenças entre o vale-refeição e o vale-alimentação

Respostas para suas dúvidas sobre o vale-alimentação e o vale-refeição 

As diferenças entre o VA e VR ainda geram dúvidas entre os trabalhadores. Muitos acreditam que eles são a mesma coisa, já que ambos estão relacionados à alimentação e nutrição, mas os benefícios possuem algumas características diferentes. Entenda, a seguir:

Quais as diferenças entre vale-alimentação e vale-refeição?

O VA é um substituo da cesta básica, um benefício voltado para a compra de gêneros alimentícios, ou seja, aqueles produtos que o trabalhador vai consumir em casa, fora do período de trabalho. O cartão alimentação é aceito em supermercados, açougues e mercearias, entre outros. O benefício tem o objetivo de garantir opções para que o colaborador escolha os produtos que vai consumir de acordo com as necessidades e preferências da família.

Já o VR é destinado para a compra de refeições prontas no intervalo do turno de trabalho. O benefício é aceito em restaurantes, padarias e lanchonetes. Sendo assim, o cartão vai garantir refeições variadas para que o colaborador tenha condições de utilizar o horário de almoço na empresa da melhor forma e voltar bem alimentado para o serviço.

Quais as vantagens de cada benefício?

Tanto o VR quanto o VA são benefícios que motivam o trabalhador e garantem refeições de qualidade dentro e fora de casa. Com essas vantagens, o funcionário trabalha melhor e se sente valorizado pela empresa, aumentando a produtividade. Além disso, os benefícios permitem que o trabalhador consuma produtos que possivelmente não teria condições de adquirir se não fosse pelo benefício.

É possível conceder os dois benefícios?

Com certeza, muitas empresas concedem os dois benefícios aos funcionários – tanto o vale-refeição quanto o vale-alimentação, já que eles têm diferentes usos. Para a empresa, inclusive, isso é um diferencial para atrair mais profissionais e deixar os colaboradores ainda mais satisfeitos.

O que diz a lei em relação ao VA e ao VR?

O vale-alimentação e o vale-refeição não são obrigatórios por lei, por isso fica a critério do empregador oferecer ou não essas vantagens. Muitos acabam aderindo ou Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT), um programa de incentivo governamental que oferece isenção no imposto de renda para empresas que garantem aos funcionários o acesso à alimentação saudável.

Por não ser obrigatório, em caso de férias, licenças e afastamentos do trabalho, o empregador pode suspender ou não os benefícios de VA e VR. Em relação ao desconto no salário, o valor máximo que pode ser descontado da folha de pagamento do trabalhador é de até 20% do valor do benefício.

 

Leia também

Guia legal do VR

Guia legal do VA