Filtrar
Gestão de Pessoas

Discriminação racial: por que ainda é tão desafiador falarmos sobre isso?

21/03/18 08:00

Empatia e curiosidade são as bases de uma cultura que valoriza o diverso

Por Geraldo França

A simples experiência de andar pelas ruas de qualquer cidade brasileira permite vivenciar a diversidade étnico-racial que define nosso país. E isso me faz compartilhar duas perguntas com você neste Dia Internacional Contra a Discriminação Racial (21/03): por que essa ainda não é uma realidade dentro das empresas e por que ainda é tão desafiador falarmos sobre isso? Hoje, especificamente, quero me voltar à segunda pergunta para que possamos, juntos, pensar a respeito da construção de uma cultura corporativa que valorize o diverso.

Como executivo, promover conversas corajosas é parte do meu dia a dia. E, nessa jornada, identifiquei que as pessoas passam a omitir suas opiniões por diferentes motivos, com receio de parecerem vulneráveis. Para evoluir, no entanto, precisamos ir na direção contrária e estabelecer diálogos que permitam romper com o status quo. Afinal, em uma organização saudável não há espaço para assuntos intocados.

Baseados sempre no respeito, podemos deixar a nossa curiosidade aflorar em nome de um ambiente em que a empatia impulsiona a diversidade. Em duplas ou grupos, explore questões como: “de que maneira os valores e tradições culturais e étnico-raciais moldam as minhas atitudes?”; “que respostas podemos dar ao mundo ao conhecermos de perto diferentes olhares para uma mesma situação?”; “como podemos aprender uns com os outros enquanto diminuímos as distâncias entre as pessoas?”.

Quanto menor a circulação de informações e a ocorrência de diálogos abertos, maior é a chance de presenciarmos atos de discriminação étnico-racial, especialmente os velados. Se tudo isso for novo para você e a empresa em que trabalha, lembre-se que é o desconforto que nos move para o próximo passo. E, na grande maioria das vezes, quando chegamos lá e olhamos para trás, temos a sensação de que deveríamos ter feito isso antes. Então, sempre é hora de agir!

Geraldo França é CEO de Sodexo Benefícios e Incentivos Brasil